fbpx

Por que mulheres ainda ganham menos que os homens?

Por que mulheres ainda ganham menos que os homens?

A desigualdade de salários entre homens e mulheres é um assunto que ainda precisa estar constantemente em pauta. No Brasil, mulheres recebem em média 30% menos que homens, segundo o Observatório de Gênero (iniciativa da Secretaria de Políticas para as Mulheres, da Presidência da República, que busca disseminar informações para promover a igualdade de gênero). Há uma desvalorização do trabalho feminino, mesmo que homens e mulheres exerçam as mesmas funções e tenham o mesmo nível de escolaridade. Mas por que será que isso acontece? E como podemos mudar essa situação?

Várias podem ser as explicações para essa diferença, e uma delas está na dificuldade que as mulheres têm em negociar. Estudos mostram que as mulheres tendem a negociar menos que os homens, inclusive por causa da baixa autoconfiança. Segundo Linda Babcock, autora do livro Women Don’t Ask, a falta desse hábito pode acarretar algumas perdas, entre elas deixar de ganhar por volta de U$500.000 durante a carreira.

A Impulsobeta traz em setembro, uma alternativa para mudar este cenário e proporcionar às mulheres a confiança que faltava e habilidades técnicas para uma negociação mais assertiva através do NEGOCIABETA online. A nova versão do curso é de curta duração, sem a perda de conteúdo. Com apenas algumas horas de dedicação, é possível identificar o seu estilo e aprender técnicas para se preparar melhor para uma situação desafiadora de negociação, não só no trabalho, mas em todas as situações cotidianas que requerem uma contestação. As inscrições para o NEGOCIABETA online de setembro vão até dia 10/9 e tem valor promocional no investimento: de R$149 por apenas R$99, com certificação ao final do período.

Para saber mais acesse: http://academia.impulsobeta.com.br/negociabeta/

0

Participação Especial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *