fbpx

P, M ou G?

P, M ou G?

A redução do tamanho das famílias gerou a oportunidade de oferta de produtos em menores quantidades, em embalagens de pequenos volumes, e o aumento das taxas de crescimento das vendas de produtos em tamanho mini.

Diversos segmentos apostaram em embalagens de formatos menores e essas foram muito bem aceitas pelo consumidor, criando inclusive a tendência on-the-go que traz flexibilidade adequada às necessidades do público.

Neste momento os fabricantes atentaram para os novos formatos e conceitos, com o objetivo de atender pequenas famílias e simultaneamente a grande quantidade de pessoas que vivem sozinhas em suas residências. Além disso, o comportamento do mercado mostra maior preocupação com a saúde e alimentação, que busca maior quantidade de refeições e em proporções menores.

Detectada a necessidade e devidamente atendida, novas oportunidades surgem no mundo das embalagens. Com a queda nas vendas, o aumento dos impostos, o dólar alto e o poder de compra reduzido as boas vindas às embalagens maiores, ou embalagem econômica.

Menor frequência de idas ao supermercado e a garantia de ganho por unidade na compra de produtos armazenados em embalagens maiores tem se destacado nas compras realizadas pelas famílias brasileiras. O consumo de produtos em grandes quantidades sempre teve destaque no mercado profissional no setor de alimentos e higiene e limpeza, mas atualmente eles também estão em destaque no carrinho de compras e mostra uma mudança no percurso que estava sendo considerado.

As embalagens econômicas tendem a atrair o consumidor que já é fiel a marca, geralmente de marcas líderes e com benefícios garantidos para ele. A apresentação deste modelo perante a situação econômica atual aumenta a quantidade de compra de um determinado produto, evitando quedas sazonais. Um incentivo para o consumidor continuar com o produto, evitando com que ele opte por novas marcas e novos experimentos, é de grande importância para manter a fidelização do cliente, aproximando-o ainda mais da marca.

E as embalagens de tamanho médio?

Perderam a participação nas vendas. Os olhos do consumidor estão voltados para o preço reduzido. Então ou ele opta pela quantidade menor para gastar menos ou pela quantidade maior para obter maior desconto no valor total do item.

O conhecimento do mercado é fundamental para apresentar boas propostas ao público, que atendam as suas necessidades, e seus comportamentos no processo de decisão de compra. Esteja sempre atento às tendências e aos novos rumos que poderão surgir no segmento que você atua.

0

Joice Paganelli

Formada em Administração com habilitação em Marketing pela Universidade Católica de Jaraguá do Sul, Joice Paganelli desenvolve estratégias de comunicação b2b por meio de diversas ferramentas, como ações de mídia online e off-line, ações de relacionamento, eventos etc. Apaixonada pela profissão que lhe permite expressar o que sente, carrega consigo uma frase: "Ter sucesso é gostar daquilo que faz. Quem gosta do que faz nunca se cansa de trabalhar." (Olacyr de Moraes)

2 comentários sobre “P, M ou G?

  1. O marketing viral e uma forma de disseminacao da mensagem visando um aumento exponencial de conhecimento da marca, muito utilizado nas redes sociais na internet. A base de planejamento para se aplicar essa estrategia deve conferir um sentimento, um desejo de compartilhar uma mensagem com outras pessoas, para que se efetive essa ideia de disseminacao e compartilhamento de conteudo naturalmente

    0

    [Reply]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *