fbpx

Previsões para depois do carnaval

Previsões para depois do carnaval

Há muito tempo se diz que o ano começa depois do carnaval, pois bem, vamos nos preparar para o que reserva 2016 daqui pra frente.

A transição de um ano para outro traz a tona sentimentos de recomeço, esperança e expectativa de dias melhores. 2015 foi um ano desafiador em muitos aspectos e 2016 não está se configurando diferente. As previsões não animam. Mas já que a melhor maneira de prever o futuro é criá-lo, decidi criar algumas previsões para o decorrer do ano e assim uma perspectiva menos pessimista:

– 2015 foi o ano do melodrama, o período de perceber as dificuldades, reclamar da situação, fazer cara feia, achar culpados. Pois de nada adiantou, e por isso 2016 não será favorável a esta prática. Acabou o tempo de ser vítima da crise, quem não reagir, terá que se entregar!

– 2016 é o ano de arregaçar as mangas. As questões financeiras exigem ponderação, vamos ser realistas, a recuperação econômica é um processo, não vai acontecer de um dia para o outro. O planejamento nunca foi tão importante, não há recursos para desperdiçar, a margem de erro diminuiu. Os investimentos precisam ser certeiros. Cautela e uma atenção um pouco maior aos processos serão necessários, mas de forma prática. Em resumo, é preciso fazer mais com menos, ser mais produtivo, acordar com mais vontade de trabalhar, porque será necessário um esforço maior.

Mas quem estiver disposto a fazer este esforço, tem grandes chances de obter os resultados desejados e conseguir fazer valer o ano. E realizar. E conquistar! É o momento de encontrar alternativas, de fazer. Promessas não tem vez, o resultado urge. Palavra de ordem: trabalho!

É o ano para desafiar-se, ser mais criativo, desmembrar os problemas, encontrar soluções!

Pode não dar certo. Melhor que não dê certo em ano desfavorável do que em um contexto promissor. Mas, ao contrário das perspectivas, pode dar certo sim, e pode surpreender! Eu estou disposta a ser surpreendida, e você?

0

Caroline Trapp

Publicitária e sócia-proprietária na AnimA Estratégias em Relacionamento. Estuda comunicação, marketing e comportamento de consumo, vê no relacionamento o diferencial de marcas e negócios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *