fbpx

Visual merchandising e a valorização do ponto de venda

Visual merchandising e a valorização do ponto de venda

 O visual merchandising é um conjunto de elementos que compõe a exposição de produtos e ambientação de lojas. Sua utilização sempre esteve presente nos pontos de venda, pois bem ou mal, as lojas trabalham sua aparência e organização e assim transmitem sua identidade aos consumidores.

A prática vem ganhando força com a valorização da experiência de compra e necessidade de diferenciar pontos de venda para atrair os clientes para as lojas físicas. Grandes redes e marcas trabalham há tempos estratégias com profissionais da área, inclusive muitas estrangeiras ao se instalarem no Brasil fortaleceram a atividade por aqui. Porém não podemos limitar a importância do visual merchandising a grandes marcas e redes, o layout da loja deve ser trabalhado em todos os pontos de venda.

A Zara é uma rede de fast fashion com posicionamento de preço. Sua estratégia é baseada em visual merchandising, trabalha o ponto de venda de forma atrativa, priorizando a localização e apresentação e faz dela sua vitrine, sem uso de publicidade convencional. E funciona! A partir de uma loja, padronizam as demais constantemente. Este é um ponto muito importante da estratégia: alterar a composição da loja e principalmente saber quais produtos priorizar no momento.

A organização e disposição dos produtos no local formam o passo inicial e são extremamente importantes, pois vão determinar a visibilidade e o fluxo do ambiente. Os consumidores precisam ter uma visão clara da localização dos produtos e encontrar o que procuram. Parece básico, mas em muitos – muitos mesmo – pontos de venda isso não acontece.

No quesito ambientação, entra o “perfume”, aquele algo a mais que atrai. Arquitetura e decoração são diferenciais neste aspecto, com investimento em manequins e cenografia para seduzir ao interior da loja. Explorar os sentidos e criar um clima que capte a emoção, que envolva o cliente torna a compra mais prazerosa.

O comércio em geral vem reclamando de crise e baixa em vendas, infelizmente quem diz que optou por não participar da crise não está encarando a realidade, a opção não é participar ou não, e sim ser vítima ou não da crise.

Para não ser vítima, várias ações precisam ser levadas em conta. Destinar um tempo para analisar o ponto de venda pode ser bastante válido na busca por melhorias. Tenho visitado diversos estabelecimentos comerciais e muitos permanecem iguais desde sempre, isso faz com que percam o interesse. Trabalhar o ponto de venda agrega valor ao produto, gera curiosidade e movimenta as vendas. O natal se aproxima e é um ótimo momento para apresentar um ambiente agradável e convidativo. Prepare-se!

0

Caroline Trapp

Publicitária e sócia-proprietária na AnimA Estratégias em Relacionamento. Estuda comunicação, marketing e comportamento de consumo, vê no relacionamento o diferencial de marcas e negócios!

Um comentário em “Visual merchandising e a valorização do ponto de venda

  1. Excelente matéria, acho que é um ponto extremamente favorável e importante para ser trabalhado por nos profissionais da área da comunicação e martketing, mesmo que haja um gasto maior do cliente o retorno é sempre compensativo quando o trabalho é bem feito no planejamento geral.

    0

    [Reply]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *