fbpx

Aproveite o entusiasmo dos seus clientes para superar a crise

Aproveite o entusiasmo dos seus clientes para superar a crise

Há algo tirando o sono dos profissionais de marketing em todo o Brasil. Uma palavra de apenas cinco letras, mas que tem feito até os gigantes se arrepiarem: CRISE. Alguns dizem que ela realmente existe, outros dizem que é somente psicológica. Independente disso, o que todos concordam é que o ambiente está diferente. Empresas cortando custos, consumidores mais cautelosos antes de realizar uma compra, e no meio disso, departamentos de marketing quebrando a cabeça e buscando alternativas para enfrentar esse momento.

Quando a crise aperta e as empresas sentem a queda nas vendas, os primeiros cortes realizados são nos recursos de marketing. Apesar de contraditório, pois se a principal função o marketing é entregar valor e gerar novos negócios, cortando investimentos a tendência é de que as coisas piorem. Mesmo assim, na maioria das empresas esse corte quase sempre ocorre. Sendo assim, com os investimentos mais moderados e necessidade maior de trazer novos clientes, os departamentos de marketing precisam otimizar os investimentos, pensar em inovações, novos processos e formas mais eficientes de gerar negócios, fazendo mais com menos.

Um dos sintomas mais sentidos pelas empresas em tempos assim, é o medo do consumidor gastar seu dinheiro, pois com os recursos financeiros mais escassos, não tem margem para erros e precisa ter confiança de que a compra satisfaça suas necessidades e segurança que o produto que está comprando é realmente bom. Ele fica mais criterioso, busca mais informações e procura opiniões de quem já utilizou o produto antes de decidir a compra. Se o boca-a-boca é importante para o sucesso das empresas, em tempos difíceis se torna indispensável.

É por isso que você deve aproveitar seus clientes mais engajados, aqueles que são verdadeiros defensores da sua marca. São esses clientes que gostam tanto dos seus produto e que tem satisfação em falar positivamente e contar para os amigos o quanto ele é bom que serão decisivos na escolha da compra daquele amigo que está receoso em fazer uma nova aquisição, que darão credibilidade para a sua marca quando alguém buscar informações na internet e encontrar seu review ou postagem em redes sociais mostrando toda sua satisfação, que irão recomendar seu produto na roda de amigos ou no trabalho.

Abaixo algumas dicas de como aproveitar o entusiasmo de seus clientes para superar a crise:

1 – Construa um relacionamento mais próximo: identificar esses clientes e mantê-los por perto é fundamental para superar a crise. Mantenha-os informados sobre as novidades da empresa, mostre o que está fazendo, pergunte.

2 – Aproveite a sabedoria desses clientes: Envolva seus clientes mais engajados em torno dos planos da empresa. Chame-os para as discussões e ouça sobre o que mais gostam do seu produto, o que acham que pode melhorar, o que sua empresa pode fazer, etc. Eles se sentirão importantes e te mostrarão alternativas,  para contribuir com o seu crescimento.

3 – Peça o apoio: Aproximando o relacionamento, você terá abertura para pedir a ajuda desses clientes. Você pode solicitar para que indiquem seus produtos aos amigos, escrevam reviews em fóruns e sites especializados, compartilhem seus conteúdos em redes sociais. Fique tranquilo, eles são engajados e farão isso de bom grado.

4 – Reconheça seu engajamento: É importante valorizar o engajamento dos seus clientes. Demonstre que reconhece sua importância e agradeça-os. Você também pode oferecer algum privilégio ou benefício. Com certeza eles ficarão felizes e motivados a contribuir com seu negócio.

As dificuldades estão aí e existem duas alternativas: se lamentar e por a culpa na crise ou decidir não fazer parte das empresas que sofrem com ela, utilizando a criatividade e inovando nas estratégias de marketing para gerar novos negócios.

 

0

Felipe Thomé

Empreendedor, Pioneiro em Marketing de Defensores (Advocate Marketing) no Brasil. Consultor de Marketing Digital. Professor em curso de MBA, Vice-Presidente da ABRABOCA - Associação Brasileira de Marketing Boca a Boca, Colunista do Portal Ideia de Marketing.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *