fbpx

Os 3 passos para o crescimento profissional

Os 3 passos para o crescimento profissional

Antes que você inicie sua jornada e sua rotina desta e da próxima semana, pare um instante para iniciar a sua vida. Não se trata de dicas acadêmicas e receitas milagrosas, muito menos um teste vocacional. Não, este não é um texto mercadológico, tão pouco inédito, mas sempre existem algumas virgulas que não atentamos e aí, tudo fica desorganizado e sem sentido em nosso ambiente de trabalho.

O crescimento profissional não deve ser uma coisa maçante, chata. Mas de princípios próprios; valores dos quais não abrimos mão.
Crescer é produzir. Não sei você, mas eu tenho a tendência de sempre esperar que o outro faça primeiro, ou que, ele dê o primeiro passo. Uma postura preguiçosa e até egoísta, eu sei, mas se não evoluirmos, tudo trava. Tudo fica preto e branco. A criatividade parece se tornar um fardo, a informação que antes era de fácil acesso, parece que se escondeu – e na verdade, nós é que a aprisionamos em nossos achismos e conformismo. Então, com construímos a evolução?

Esteja perto de pessoas não só da mesma carreira, mas das que você admira

Construa relacionamentos de longo prazo. Se for pessoalmente, melhor ainda. Nós temos essa mania de achar que as redes sociais são os únicos caminhos hoje para conexões e aprendizagem. Dedique tempo em ouvir a voz do outro e aprender com suas expressões. Faça um “detox” das redes por um tempo.

Invista em conteúdo. Mais conteúdo → mais valor com as pessoas

Semana passada, assistindo há uma conferência sobre SEO, o palestrante disse que “não existe um caminho certo ou errado, mas a proposta de cada empresa. Cada uma terá uma escolha e estratégias diferentes”. Sim, o grande X da evolução não se trata somente de técnicas, mas conteúdo. Otimize: liste os potenciais problemas e prioridades. E cabe falar do conteúdo pessoal – e talvez este seja o mais atraente e propulsor do crescimento. Vale a dica de avaliar a si mesmo, suas posturas e posicionamentos sobre determinados assuntos que sempre estiveram em pauta. Suas opiniões, sendo únicas, transmitem muito de sua identidade e visão de mundo, e isto fica explicito em seu trabalho. Agregue valor através dos seus valores.

Estruture um bom planejamento

Se sua área for a comunicação, por exemplo: “Será que o público irá gostar? ”, “existe demanda? ”. E então, volte ao ponto 1 → adquira referências através dos relacionamentos. O esqueleto, aquele mapa mental, com todas as outras perguntas-chave e as respostas previamente definidas para as possíveis perguntas, escreva tudo!

Mas, mais do que três dicas, mude o jeito como olham para sua ideia. Quanto mais converso com profissionais – não só do meio business, percebo haver esta necessidade imposta de tornar tudo mais prático e ágil, mas isso não significa que precisa ser árduo ou moderno. Significa entender o conceito de leveza e equilíbrio; saber quando devo parar e continuar.

Parece utópico, mas não é. É porque nos acostumamos às cobranças excessivas e ao pessimismo.

Você pode construir uma casa a partir de qualquer coisa. Reforçá-la como quiser. Mas um lar, ah… um lar é muito mais frágil. Um lar é feito das pessoas que você quer nele. E pessoas podem ser quebradas, claro. Mas todo líder sabe que o que está quebrado pode ser concertado. Que tudo que machuca, pode ser remediado. Que não importa a escuridão que haja em sua vida, o sol sempre vai nascer. Portanto, não desvalorize. Não esconda o que você sente. Evolução trata-se também de sentimento, seja onde você estiver atuando. Trata-se de expressão.

EVOLUÇÃO: 1.Momento em que um sujeito, ser, ou qualquer outro tipo de vida passa de um estágio para outro; ou passa a ser algo mais complexo; ou ainda, tornar-se melhor em algo que se faz. 2. Mudança vagarosa e natural de pessoa ou coisa: transformação progressiva. 3. Avanço; Aperfeiçoamento. 4. Processo progressivo de coisas, de pessoas, animais, vegetais, fatos, ideias ou qualquer coisa que passe por uma série de modificações.

Crescimento profissional não se trata somente de estudos e títulos.

“Os adultos pensam que o maior e mais caro são o melhor. Pensam que a alegria e os deuses vêm empacotados em embrulhos grandes. Por exemplo: quando falam de Deus, pensam logo numa coisa grande, muito grande, terrível, do tamanho do universo, e ficam falando em coisas que o pensamento não entende, como tempo de bilhões de anos e distâncias de anos-luz. Não sabem que que a alegria, o maravilhoso, o divino, estão ali pertinho, ao alcance da mão. Divina é uma gota de orvalho, uma amora roxa, uma cambalhota de tiziu, um raio de sol numa teia de aranha, a cor da joaninha, um bombom, uma bolinha de gude, um amigo, uma acertada de bilboquê: coisas pequenas, não tem preço.” (Rubem Alves)

 

0

Arthur Barbosa

Essa coisa de definir coisas... Escritor, professor, colunista e curioso. Produzindo o terceiro e-book. Licenciando em Filosofia, com foco nas artes e comportamento. Não vive sem séries - e dramas. Melancólico e péssimo de cozinha. O 2º livro #AConstrucaoDoOlhar PDF free aqui ó: bit.ly/aconstrucao | Vídeos sobre os livros em youtube.com/user/arthiebarbosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *