fbpx

Profissional de Marketing – Status: Desempregado

Profissional de Marketing – Status: Desempregado

Hoje, dia 24 de Março de 2015, me declaro como mais um desempregado brasileiro. Exatamente isso, desisti, a crise me atingiu, não necessariamente na parte financeira, mas me atingiu em um ponto mais frágil que o bolso, o coração. Não vendo mais perspectivas, sou o mais novo ponto da estatística de desemprego do nosso país.

Como profissional de comunicação, não seria exagero se estas palavras acima fossem verdadeiras, pois nada mais é válido, a não ser falar sobre a crise que assola a população brasileira. Já sabemos que do ponto de vista econômico, serão pelo menos, dois anos bem difíceis, com baixo crescimento econômico e por consequência baixos investimentos por parte das empresas. Um dos maiores contrapontos disso tudo, é que percebo que um dos primeiros gastos que são cortados quando a crise bate em nossa porta, são os investimentos em comunicação. Ora pois, me prece uma piada “portuguesa”, com todo respeito aos nossos colonizadores.

Como deixar de se comunicar em um momento tão importante? Em um momento onde nossos clientes desejam saber sobre nossa posição de mercado, onde funcionários aguardam ansiosos por nossas posições sobre o futuro, enfim, onde comunicar deveria ser prioridade. Como a maioria dos empresários resolve “cortar custos” na parte da comunicação?

Nesses últimos dias tenho tido uma vontade imensa em acordar e iniciar minha jornada de trabalho, pois a cada ligação que recebo para discutir um novo projeto, a cada novo e-mail com uma solicitação de orçamento, ganho um novo ânimo para continuar em frente. Já é sabido que no passado, em momentos como esse, algumas empresas se destacaram e surgiram para ganhar mercado, e não será diferente nos dias atuais.

Certamente alguns empresários saberão aproveitar esse momento de recessão e conseguirão ganhos que não imaginavam nem em seus momentos de bonança.

Mas certamente não serão as empresas que estão se encolhendo perante as dificuldades, e veja bem, não estou aqui fazendo apologias ao Marketing, como qualquer setor da empresa ele deve passar por uma avaliação e se necessário por cortes de orçamento, mas acho que essa análise deve ser feita com um olhar amplo sobre os setores, e não se pode apontar o setor de Marketing como o bode expiatório da corporação.
Quem sabe está aí uma oportunidade para os profissionais de Marketing também buscarem sua diferenciação, não apenas esperarem as grandes contas e as glamorosas campanhas caírem sobre seus colos. Comecemos por nós mesmos, provemos que o Marketing é importante na crise, e que se o cenário econômico mudou, nós conseguimos nos adaptar, fazendo com que as empresa continuem trilhando suas caminhadas de sucesso.

Frase do Velho Guerreiro:
“Quem não se comunica, se trumbica!” Chacrinha

 

0

Marcus Tonin

Sócio da Candoo Comunicação e Branding e Consultor de Marketing pelo Sebrae. Apaixonado pela comunicação, que ainda acredita que esta deva ser realizada pelas pessoas, e não por seus meios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *