Como ser diferente no mundo dos negócios iguais?

Como ser diferente no mundo dos negócios iguais?

A facilidade de comunicação, tecnologia e conhecimento (faculdades, cursos e workshops) transformou meros trabalhadores em grandes empreendedores. Como assim? A contínua ideia de empreendedorismo fixou-se na mente das pessoas como meio fácil e rápido de estabelecer profissão e lucrar com isso. Então surgiram possibilidades facilitadas de ingressar em treinamentos e especializações de muitas áreas do mercado de trabalho, onde com menos de um ano um novo profissional se lança no mercado e oferece seu trabalho, obtendo clientela rápida e diversificada.

Posso citar a grande quantidade de fotógrafos, lojas de confecção on-line, assessores de mídia, designers, palestrantes e outros profissionais liberais que se dedicam e alcançam níveis médios de satisfação pessoal, mantendo-se no mercado atuante e driblando a concorrência. Com a grande demanda e seus produtos e serviços satisfatórios fica difícil para o consumidor se decidir na hora da compra. E o que o profissional (que se dedica, se especializa e procura sempre aumentar seu nível e conhecimento) deve fazer para se destacar diante seu público alvo? Dizer que precisa ser diferente é fácil, difícil é sê-lo.

Analise seu trabalho: Selecione seus melhores exemplos, modelos, cases. Estude todo serviço ou produto que oferece, entenda cada dado, cada passo. Faça simulações, esteja sempre apto. Não tenha dúvidas do que está oferecendo.

Destaque os pontos: Tanto pontos positivos quanto negativos devem ser lembrados. Melhore seus trabalhos focando nas qualidades e colocando-as a disposição de cada projeto iniciado. Trabalhe os pontos negativos de forma a minimizá-los e buscando alternativas opostas para que esses não danifiquem todo o esforço feito antes.

Ofereça seu trabalho: Encaminhe seu portfólio, visite seus clientes. Apareça no campo de atuação, sua presença será notada se as pessoas puderem ver onde seu trabalho está. Não seja chato, nem repetitivo, mas destaque seu trabalho oferecendo-o e dando soluções aos seus possíveis futuros clientes.

Esteja atualizado: Mantenha suas redes sociais, cartões, portfólio e catálogos atualizados. Pode ser que sim, mas não é comum que se interessem por um belo trabalho de 1999.

Construa pontes: Um bom atendimento e um pós venda estruturado, ajudam na construção de um bom relacionamento com seu público. Estude-os, entenda-os, ofereça o que realmente será solução e mantenha contato para saber seu nível de aceitação.

Não pare: Se esse é o trabalho em que acredita, não desista. Não pare de se atualizar, não deixe de lado trabalhos em andamento. Seja dedicado em todo serviço prestado, coloque sua personalidade nisso e defina seu estilo, aumentando sempre a perspectiva e os passos dados.

Mais uma dica? Acompanhe diariamente o Ideia de Marketing!

Hayane Souza

Os capítulos da minha vida mudam rápido, assim como as tendências de comunicação. Publicitária apaixonada pelo efeito positivo que o marketing causa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *