fbpx

O que podemos aprender com o marketing ágil?

O que podemos aprender com o marketing ágil?

A metodologia ágil surgiu com desenvolvedores de software um bom tempo atrás, onde eles gostariam de entregar coisas mais rápidas e acabar com a imagem de que TI era algo muito caro, demorado e no final das contas nunca dava certo, pois só trazia problemas.

Quem não quer uma empresa que pode se adaptar rapidamente às mudanças, proporcionar experiências incríveis para sua equipe e seus clientes, medir os resultados de seus esforços com dados reais e criar produtos notáveis de uma maneira eficiente?

marketing-agilO resultado desse pensamento foi apresentado no AgileManifesto.org que dizem estar descobrindo maneiras de desenvolver software, fazendo-o eles mesmos (programadores) e ajudando outros a fazerem o mesmo. O Método Ágil passou a valorizar:

– Indivíduos e interações mais que processos e ferramentas;
– Software em funcionamento mais que documentação abrangente;
– Colaboração com o cliente mais que negociação de contratos;
– Responder a mudanças mais que seguir um plano;

A ideia do marketing ágil é focar mais em dados e experiência do usuário em curto prazo buscando resultados. A mensuração de resultados e a interação são dois pontos muitos fortes no marketing ágil.

Embora seja antigo o conceito de marketing ágil, pouco tem sido explorado pelas empresas e consultores. O desafio nos negócios atuais de conseguir atender as necessidades dos consumidores antes da concorrência a custos menores tem tudo a ver com marketing ágil.

O pensamento ágil no marketing envolve basicamente 3 itens:

Testar (test) – Experimentar novas ofertas, projetos e iniciativas.

Aprender (learn) – Identificar o que foi bem sucedido e cortar o que não deu certo.

Efetivar (commit) – Ganhar escala no que foi bem sucedido.

A partir disso, podemos trazer algumas coisas para o nosso trabalho como:

Planejamentos de longo prazo e análises profundas não trazem mais resultados impactantes

Ser pego despreparado por uma mudança no mercado em meio a complexos projetos de marketing de longo prazo é inaceitável. Por isso, estar atento as mudanças e agir é mais importante do que ter um planejamento em longo prazo.

Mais importante do que testar é medir e aprender

Não basta planejar e ficar em meio a analises para descobrir o que o cliente quer. É preciso se comprometer com o que funciona. Afinal, tem fundamento e deu certo. Com o decorrer do tempo você vai encontrando mais facilmente o caminho que deve seguir para ganhar os clientes.

Seja prático e aplique suas ideias

O próprio conceito já traz no nome o termo ágil, onde o resultado de curto prazo conta muito. Portanto não podemos perder muito tempo com analise e planejamento. Para ter sucesso é importante conhecer muito a área, descobrir o que funciona e agir.

Seja mestre em alguma área

O conhecimento específico ajuda a identificar rapidamente as melhores oportunidades e caminhos a seguir. Por mais que possa ser criticado na falta de conhecimento no todo, um especialista sabe trazer resultados com rapidez por ter um olhar clínico.

A metodologia ágil pode ser utilizada com eficiência no gerenciamento de projetos de marketing.

O que o marketing realmente exige mais do que tudo é a ação e a ação iterativa. Ele requer que as pessoas experimentem algo, alguma coisa para obter uma solução ou visualizar o problema pelo menos de uma forma nova. Normalmente percebemos que as pessoas gostam de complicar o simples; o marketing trata, na realidade, de simplificar tudo. Como diria Michele Accardi-Petersen “Marketing tem tudo a ver com simplicidade e com atingir o coração da razão, porque alguém precisa do seu produto.”.

Saiba extrair o melhor do marketing ágil para seu negócio com praticidade, rapidez e resultado!

Anderson-Wenningkamp

0

Anderson Wenningkamp

Consultor especialista em Marketing de Relacionamento (CRM) desde 2007. Fundador da CicloCRM, empresa especializada em consultoria de Marketing Digital. Acredito que todos podem fazer um excelente relacionamento com clientes e pretendo revolucionar a maneira como as empresas se relacionam.

3 comentários sobre “O que podemos aprender com o marketing ágil?

  1. Não podemos perder muito tempo com planejamento?

    Mais vale um projeto bem planejado, do que ir a campo sem diretrizes e perder muito mais tempo depois arrumando o que não foi bem pensado!

    0

    [Reply]

    Tatiane Silva Reply:

    Jefferson, acho que o foco aqui não é abandonar o planejamento. Nem em software a gente faz isso. O que fazemos é diminuir um pouco a carga do planejamento e espalhar pelo andamento … como se fosse fazer as coisas em módulos. O manifesto ágil não diz que as coisas não são importantes e não deve ser feitas, mas cria uma prioridade entre as coisas …
    Por exemplo eles colocam que : ‘Respostas rápidas para as mudanças, ao contrário de seguir planos previamente definidos’ isso não quer dizer que não devemos planejar ou seguir planos, mas neste caso, responder rápido a uma mudança, neste caso, tem prioridade.

    Ficou melhor assim?

    0

    [Reply]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *