fbpx

O engajamento nas redes sociais é apenas a ponta do iceberg!

O engajamento nas redes sociais é apenas a ponta do iceberg!

Quando falamos sobre engajamento a primeira coisa que vem em nossa mente é curtir ou compartilhar, certo?
Podemos acreditar que pessoas engajadas são aquelas que interagem com nosso site, facebook ou twitter, mas estaríamos ligeiramente enganados em acreditar que isso basta.

Engajamento tem a ver com uma etapa de um processo maior, atrair pessoas, fazer com que elas interajam com a página ou site e, depois isso tudo, resulte em conversão/compra.

Facebook_LikeO adjetivo engajado significa comprometimento com algo, alguma causa ou empenho e não pode ser considerado como uma métrica isolada de resultados.

Curtir ou compartilhar não pode ser considerado engajamento efetivamente e sim, um participar. Isso é importante porque pode ajudar no relacionamento com o cliente, mas não pode ser considerado como fim.

Atrair pessoas e ver “engajamento” é muito bacana, mas se não levar ao resultado, de que vale a curtida? O maior exemplo disso são postagens que precisam de X curtidas para acontecer algo e no final? Nada! É apenas uma brincadeira. Existem muitos fãs que curtem, compartilham e nem ao certo sabem o que estão fazendo. No final das contas precisamos converter leads em clientes. Gerar negócios para a empresa. Para qualquer que seja sua ideia deve existir um resultado.

A moda agora é a compra de um falso engajamento pelas empresas nas redes sociais. Essa estratégia pode dar certo, atrair muitas e muitas pessoas para o site ou página, mas pergunto: como fica a conversão? É preciso muito mais que curtir/compartilhar para que se tenha um consumidor engajado!

Devemos atrair as pessoas certas para nosso negocio! Precisamos descobrir e compreender a real necessidade que o seu futuro cliente possui.

Identificar como podemos ajudar esse consumidor é outra etapa que deve ser levada em conta. A empresa deve ser útil e trazer algo relevante por um longo tempo. Saiba diferenciar sonhos de necessidades e em que momento um ou outro pode ajudar a gerar conversão para seu negócio.

Um bom trabalho de conversão tem início em uma estratégia que atraia as pessoas certas, dê a elas um bom conteúdo em um mundo de oportunidades que elas possam usar para crescer!  É fácil fazer alguém clicar no botão curtir, difícil é fazer o consumidor defender a a marca!

QUERO RECEBER NOVOS ARTIGOS POR E-MAIL

Anderson-Wenningkamp

 

0

Anderson Wenningkamp

Consultor especialista em Marketing de Relacionamento (CRM) desde 2007. Fundador da CicloCRM, empresa especializada em consultoria de Marketing Digital. Acredito que todos podem fazer um excelente relacionamento com clientes e pretendo revolucionar a maneira como as empresas se relacionam.

6 comentários sobre “O engajamento nas redes sociais é apenas a ponta do iceberg!

  1. Excelente!

    Anderson, curti demais seu artigo. Vejo tantas empresas entrando nas mídias sociais apenas pelo sentimento de “pertencer”, sabe aquelas expressões básicas “Curta/Compartilhe/Siga nossa empresa”?

    Então, mas a devida manutenção posterior ou uma interação correta com seu público/consumidor perde a essência.

    Falta exatamente o que você colocou de “atrair pessoas” e fazer com elas fiquem e tenham prazer em acompanhar sua empresa, participem e aprimorem o relacionamento, a partir daí, teremos algo realmente atrativo.

    Parabéns e sucesso!

    Abraços

    0

    [Reply]

    Anderson Reply:

    Obrigado pelo retorno Eduardo. Elogios são sempre bons e nos mostram que o caminho é certo! Realmente muitas empresas querem aparecer e não manter os clientes! Fogo de palha não resolve, precisamos ser úteis para os clientes e lucrar com isso! Seria o mundo perfeito!!!

    0

    [Reply]

  2. Bom dia Anderson,

    Compartilho com você este pensamento, realmente temos que criar uma estratégia que vai além das curtidas , não podemos ignorar as mudanças que vem ocorrendo no mercado corporativo, mas temos que ser mais cautelosos para não acender os holofotes na direção errada.Importante reflexão abordada nesta matéria.Obigado.

    0

    [Reply]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *