fbpx

Marketing digital: por que não?

Marketing digital: por que não?

Novas formas de divulgar produtos e serviços, conquistar novos clientes e ter uma ampla rede de relacionamento. Isso enche os olhos de qualquer empreendedor. Mas por que tanto medo em investir em marketing digital?

De acordo com uma pesquisa recente feita pela IAB Brasil e ComScore, chamada “Brasil conectado 2”, foi identificado que 74% dos consumidores brasileiros pesquisam na internet os produtos que pretendem comprar (O quê? Sua empresa não aparece nos mecanismos de busca?). 70% dos brasileiros visitam os sites que veem em anúncios (O seu site ainda está nos moldes da web 1.0?). 69% dos entrevistados disseram que a internet é o meio mais fácil de fazer compras (E ainda insiste em não investir em e-commerce?).

Recentemente tivemos o Dia dos Namorados e, segundo uma pesquisa realizada pelo Mercado Livre, na opinião de 40% das mulheres e 52% dos homens que responderam às perguntas, o comércio online é o melhor local para fazer compras, já que oferece mais opções, é mais barato e cômodo, uma realidade diferente dos shoppings nesse período.

O online está se equiparando ao offline e, mesmo diante desta realidade, muitas empresas tem medo, receio de investir em marketing digital. Na verdade, deveriam ter medo em não investir, já que o concorrente pode estar bem na frente.

De acordo com a pesquisadora Carolina Terra, a empresa não consegue mais ficar restrita ao que se publica sobre ela nos meios de comunicação clássicos, já que existem muitos canais disponíveis, como as redes sociais (on e offline) e sua diversidade de públicos.

O mercado vem sofrendo muitas mudanças e para acompanhar essas transformações, é essencial rever o relacionamento com o consumidor. As redes sociais se transformaram em SAC 2.0 e não estar presente monitorando e respondendo às demandas somam vários pontos negativos para a marca.

Não saia criando uma página no Facebook, um Twitter e um Instagram. Planeje-se antes!

As estratégias de comunicação estabelecem relações interativas e formam a essência da comunicação organizacional. Então, vá com calma!

Muito além de criar perfis, fique atento ao tipo de conteúdo, relacionamento, entre outros, que deseja manter com seu cliente. Publicar informações institucionais e conteúdos variados que fujam do perfil do público que aquela empresa atinge, não é o suficiente. Por isso, o planejamento é o primeiro passo a ser tomado.

Lembre-se: Quanto mais integrada for a comunicação, mais sucesso ela terá com o público de impacto.

Tenha um Check list:

-Monitore a audiência do seu site;
-Conheça as páginas mais visitadas;
-Identifique de onde vieram as visitas;
-Quantos se transformaram em clientes?;
-Mantenha o conteúdo do site atualizado;
-Monitore sua (e de seus concorrentes) posição no Google;
-Defina o nível de conectividade da marca e seu propósito de entrar nas redes sociais;
-Veja a situação da empresa no ambiente offline;
-Mapeie quem são os hubs (concentradores de tráfego de conteúdo e de informações) e o que dizem;
-O que falam sobre a sua empresa? Conheça seus clientes;
-Fale sempre a verdade, admita erros, dê explicações. Seja presente;
-Adicione valor (SEMPRE). O público gosta de conteúdo relevante;
-Estabeleça métricas. De que forma irá avaliar os objetivos?;
-Treine sua equipe. Já imaginou falar nas redes sociais que o atendimento é excelente e quando o cliente em perspectiva liga é atendido com grosseria?;

Não tenha medo das experiências

O marketing digital proporciona experiências de baixo custo, onde quem define o orçamento é você, restringindo seus anúncios para que sejam exibidos de acordo com o perfil do público que quer atingir.

Tenha o controle das informações

É possível ter dados da campanha. Saber quem viu, aonde mora, a faixa etária, sexo e escolaridade (sim, até isso!) são fornecidos por ferramentas específicas que ajudam no planejamento das próximas ações.

Mudou de ideia?

Viu como é importantíssimo investir em marketing digital? Mas lembre-se que vai além de “passar o dia no Facebook” e requer um trabalho profissional. Tudo para que você possa conhecer melhor seu cliente, concorrentes e saber todas as possibilidades para que sua empresa possa crescer ainda mais.

QUERO RECEBER NOVOS ARTIGOS POR E-MAIL

Alison-Marques

0

Alison Marques

Viciado em compartilhar conhecimento. É Especialista em Linguagens e Mídias Digitais, jornalista, palestrante e social media.

2 comentários sobre “Marketing digital: por que não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *