fbpx

Mídias Sociais: cinco pontos de influência

Mídias Sociais: cinco pontos de influência

Não há como negar que as mídias sociais estão mudando o modo como interagimos. E essa mudança se dá principalmente em relação ao número de pessoas com as quais temos contato. São quase dois bilhões e meio de pessoas usando a internet ao redor do mundo. Quanto mais aumenta o número de usuários da internet, mais as redes sociais tem o poder de influenciar o comportamento das pessoas.

No passado, estávamos limitados às relações apenas com pessoas que conhecíamos pessoalmente, hoje é possível nos relacionarmos com as mais diversas pessoas do mundo todo. Ideias antes concentradas em pequenos grupos, agora são divulgadas com grande facilidade e permitem que nos tornemos mais conscientes do universo em que vivemos e daquilo que acontece em nosso redor.

internetRedes como o Facebook e o Twitter dão aos cidadãos um megafone capaz de serem ouvidos por toda parte e, quando grandes grupos de usuários se unem por uma causa comum, podem influenciar grandes mudanças.

São cinco os principais pontos em que as mídias sociais têm influenciado nossas vidas e mudado a maneira de vivermos:

NOTÍCIAS – As mídias sociais têm se tornado uma importante fonte de notícias. Grandes jornais e revistas noticiam acontecimentos importantes dos cinco continentes. Isso torna as informações acessíveis a todos e sua divulgação muito mais rápida. A população mundial também toma conhecimento de informações nunca antes divulgadas, como o que vimos acontecer no caso WikiLeaks e mais recentemente no caso de espionagem de milhões de internautas pelos Estados Unidos.

INTERAÇÃO – As mídias sociais têm promovido interação em grande escala. Permitem que as pessoas mantenham contato de uma forma mais regular, nunca vista antes devido às limitações de espaço e tempo. Pessoas em cidades ou continentes distantes podem manter contato com facilidade, o que cria a oportunidade de vivenciar diferentes culturas. Isso faz com que as pessoas reavaliem seu modo de viver, uma vez que são expostas a costumes diferentes daqueles que acreditavam serem os ideais.

MARKETING – Toda a dinâmica do marketing tem sido alterada pelas mídias sociais. As empresas estão cada vez mais centradas no consumidor e são capazes de compreender as necessidades do mercado a partir do próprio mercado. Já buscam maneiras de influenciar individualmente a compra utilizando, por exemplo, técnicas de remarketing – onde seus anúncios são expostos para consumidores que já expressaram interesse pelos seus produtos e exatamente nos sites onde eles navegam e não mais somente nos canais de divulgação em massa.

EDUCAÇÃO – Elas têm desempenhado um papel importante na promoção da alfabetização. As crianças que começam a usar as plataformas desenvolvem habilidades de comunicação precocemente e geralmente tornam-se alfabetizadas mais rapidamente. Aos adultos, as mídias sociais permitem que o aprendizado seja focado nos pontos de seus interesses – você pode se tornar especialista em diversos assuntos apenas fazendo cursos pela internet. Nos Estados Unidos, por exemplo, cerca de 6,7 milhões de pessoas, têm se matriculado no mínimo em um curso online.

POLÍTICA – As mídias sociais têm permitido uma maior consciência política e de organização, e em alguns casos, reescrito a história. Muitos protestos têm sido organizados com auxílio, principalmente do Facebook. Essas mídias desempenharam um papel importante nas eleições iranianas, na reeleição de Obama para o segundo mandato como presidente dos EUA, inspirou as agitações políticas no Egito e têm influenciado as manifestações por toda Turquia e mais recentemente por todo o Brasil.

Vale lembrar que essas transformações só são possíveis porque nas mídias sociais não existem fronteiras nem filtros para a comunicação. A internet tem verdadeiramente permitido uma forma mais livre e aberta para a troca de novas informações e ideias sem grandes censuras, pelo menos, por enquanto. Mas isso já é assunto para um próximo post.

QUERO RECEBER NOVOS ARTIGOS POR E-MAIL

Erica Ariano

1+

Erica Ariano

Apaixonada por tudo que é futurista e único, sofre de curiosidade latente e desprendimento de convenções. É consultora de marketing, especialista em mídias digitais e palestrante. Sua porção engenheira a faz ser louca por neurociência, por isso estuda o assunto e escreve sobre ele aqui também.

Um comentário em “Mídias Sociais: cinco pontos de influência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *