fbpx

Comunicação: o elemento-chave para qualquer relacionamento

Comunicação: o elemento-chave para qualquer relacionamento

Se você falar com um homem numa linguagem que ele compreende, isso entra na cabeça dele. Se você falar com ele em sua própria linguagem, você atinge seu coração.” Nelson Mandela

Comunicação ou habilidade de se comunicar. Ouvimos falar sobre esse tema diversas vezes e em diferentes situações, até porque a comunicação é um assunto necessário e envolve a nossa vida em todos os sentidos.

Para começar, gostaria de fazer-te um convite: pense, visualize ou perceba como é a sua comunicação? O que você tem transmitido é realmente o que gostaria de transmitir?

comunicaçãoCertamente em situações que nos sentimos mais seguros e familiarizados conseguimos nos expressar da maneira que esperamos. Porém, também é comum que em outras situações existam bloqueios e todo nosso planejamento e pensamento não consegue fluir na fala, na voz, nos gestos e no sentimento. Cenas como estas são completamente comuns, porém, é importante lembrar que cada um de nós é único, somos o resultado de uma história, temos processos de comunicação particulares baseados nas raízes familiares de cada um. Em geral, nossas reações são muito semelhantes com os trejeitos de nossa criação e de quem nos rodeou nesse período, principalmente com os de nossos espelhos familiares.

Daves, em 1972, define que “Comunicação é um processo de passar informação e compreensão de uma pessoa para outra. Se não houver compreensão não houve comunicação.” Concordo com o autor da frase, mas acrescento uma condição que reforça o parágrafo acima: para que a comunicação aconteça de fato, é muito importante entender a maneira como cada um se expressa para que não haja conflitos de informações.

A comunicação é uma das principais habilidades para conquistar melhores posições no plano econômico, político e social. Partindo dessa afirmação, o aprimoramento do processo comunicativo é recomendado a todos que se interessam pelo desenvolvimento pessoal e profissional, assim como o acompanhamento da comunicação organizacional.

Uma organização que tem seus processos de comunicação bem estruturados tem como consequência menos conflitos internos. Nesse sentido a comunicação eficaz é a principal ferramenta entre clientes internos, externos, fornecedores e parceiros nos processos de negociação.

Falando da competição mercadológica, podemos apontar a boa comunicação  como um diferencial utilizando-a para capacitações profissionais. Quando as relações tornam-se mais complexas, devido aos intercâmbios culturais e a instabilidade do mercado, a comunicação é tida como elemento-chave. A imagem da empresa é construída, entre outros fatores, com o que é repassado aos clientes pelos próprios colaboradores.

Comunicação como facilitadora em um processo de mudança

Sabemos através de estudos, que a comunicação humana é uma prática consciente. Entretanto, essa mesma atividade exterioriza e interioriza aspectos do inconsciente e da subjetividade de cada indivíduo. As fronteiras entre a consciência, inconsciência, o comportamento, a comunicação e a ação humana são tênues e se misturam.

Para ficar mais claro, exemplificarei em algumas passagens práticas da evolução do processo de comunicação e como pode influenciar nos processos de mudança:

Quando nascemos não temos condições e nem sabemos pedir água por meio da fala e dos gestos. Chamamos isso de Incompetência Inconsciente. Com o passar do tempo, o bebê fala a primeira letra da palavra, aponta o copo e ganha a água. Acabamos de descobrir que emitimos sons e que nossos movimentos podem nos ajudar a conseguirmos o que queremos. Essa etapa é chamada de Incompetência Consciente.

Depois de alguns anos a criança domina a fala e o corpo , a chamada Competência Consciente e, só depois de muita prática e muita vivência conseguimos ter habilidades para nos comunicar por completo, atingindo então a  Competência Inconsciente.

E o que tudo isso tem a ver com mudanças? Tudo! Para que o processo de mudanças aconteça, é necessário perceber que temos inabilidades, caso o contrário, a mudança não ocorrerá. O profissional consciente pode investir em si mesmo com o simples ato de reconhecer como seu estado atual de comunicação está se apresentando e como deseja que estivesse. A partir daí, é necessário permitir-se passar pelo processo de aprendizagem e, posteriormente desfrutar da habilidade da comunicação eficaz.

Artigo inspirado no capítulo Comunicação, do livro Leader Coach, de José Roberto Marques.

QUERO RECEBER NOVOS ARTIGOS POR E-MAIL

mariana_mel

0

Mariana Melissa

Graduada em Marketing e Gestão de Recursos Humanos, é apaixonada pela arte da escrita e pelas relações pessoais. Já trabalhou com comunicação interna, redação e marketing. Atualmente é Gerente de Projetos na agência Target Mais e está a frente dos projetos internos do Ideia de Marketing atuando como gestora de pessoas e conteúdo. marianamelissa.s@gmail.com

4 comentários sobre “Comunicação: o elemento-chave para qualquer relacionamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *