fbpx

Promovendo o amor entre marca x redes sociais

Promovendo o amor entre marca x redes sociais

Além do conteúdo que deve ser envolvente e emocionante, não cair na rotina e mesmice nas ações faz toda diferença.

Quando se trabalha com relacionamento digital é de costume levantar dados e porcentagens a respeito do comportamento e atitudes relacionadas aos usuários e acabamos esquecendo que os eles são indivíduos que possuem vontades, sentimentos e calor humano, isso quer dizer que mesmo estando no mundo  virtual é possível tocar e despertar interesse nos consumidores de forma emocional.

Você está preparado para embarcar nessa viagem que envolve sentimento e estratégias? Sigam-nos!

Todo mundo já sabe de cor e salteado que as redes sociais rompem barreiras, um exemplo clássico  é a distância. A internet nos possibilita contato com um mundo misterioso e audacioso que nos propõe conexões que sabemos bem como usá-las interagindo com usuários independete da localização. As redes sociais agregam valor ao que chamamos de web 2.0, pois fazemos uso de suas qualidades diáriamente compartilhando diferentes formas de manifestações positivas e ou negativas co-relcionadas a tudo que está a nossa volta.  

Sabemos que o trabalho de posicionamento de uma marca nas redes sociais exige planejamento e estratégias, e que apesar da dificuldade, é possível chegar ao esperado sem altos custos, por exemplo. É prioridade no trabalho dos planners estudar e conhecer profundamente o cliente, seus produtos e serviços e conseguir identificar qualidades e vulnerabilidades na qual as marcas enfrentam. Costumo ver o inicio do planejamento como um monitoramento que ao desenvolver-se passa por etapas mais detalhadas e exploratórias e um ponto importante do processo, é analisar e obter índices do quanto a sua marca é querida pelos usuários dentro das redes sociais.

Você já parou para pensar o que  motiva você a consumir aquela marca específica de café ou de roupa que você tanto gosta e compartilhar com seus amigos recomendando? Vamos abordar esse sentimento que nos invade diretamente e nos motiva consumir e compartilhar a satisfação.

Se apaixonar é um processo que passa por etapas, onde no início tudo é muito bom e nos faz bem, com o passar do tempo se conquista a confiança mantendo-se fiel e estabelecemos elos que podem durar por anos. Com a marca não é diferente, o processo é semelhante.  As redes estão disponíveis para serem usadas estrategicamente para o bem das marcas, é importante trabalhar a paixão, o sentimento que rege os usuários terem preferência pelo produto do cliente e não do concorrente. Empresas como a Coca-cola e Apple cativaram a fidelização dos seus clientes usando estratégias que valorizavam a qualidade do produto e serviço, e mais além disso, eles souberam cultivar o relacionamento! E quando falo de ralacionamento não é apenas o fato de responder o que os usuários perguntam, mas de estimular a participação e ganhar território com a confiança.

Mas uma pergunta curiosa me encabula: Para alcançar o amor dos usuários e obter o sucesso nas redes sociais basta apenas delimitar e trabalhar o conteúdo de forma que possa despertar interesse nos usuários?

Não! Além do conteúdo que deve ser envolvente e emocionante, não cair na rotina e mesmice nas ações faz toda diferença. Não estamos falando de  promoções do tipo venha curtir, compartilhe ou dê RT, mas sim valorizar a participação, desencadear a força de vontade dos usuários em contribuir com a história da marca. É preciso conquistar diariamente cada fã, até mesmo porque a rede não pode morrer e você não pode burlar como alguns profissionais fazem. Quando saímos da mesmice nos possibilitamos explorar melhor as ferramentas, o valor de cada dado obtido no monitoramento, conceitos e até mesmo criar uma nova fórmula para o sucesso, porque não?

Pense novamente em um relacionamento humano. Quando a paixão esfria, o amor precisa estar ali para manter e fortalecer ainda mais a relação. Repetir todos os dias uma mesma linha de conteúdo, poderá tornar a relação com o consumidor chata e sem grandes emoções.

A oportunidade de fazer a diferença está para todos.

0

Arianne Lima

3 comentários sobre “Promovendo o amor entre marca x redes sociais

  1. Olá, Rafa.

    Me enche de alegria receber o feedback dos meus leitores. Espero que você coloque em prática o conceito abordado e que explore outras vertentes.

    Um forte abraço.

    Anne

    0

    [Reply]

  2. Anne,coordeno as mídias sociais da Prefeitura de Salvador e concordo plenamente com a importância de cultivar os relacionamentos, Em gestão pública a complexidade é maior,pois as demamdas sào grandes. Dentre as ações de relacionamento q adotei foi o Você é Nosso Guia .Os usuários sugerem pautas sobre o seu bairro , relacionadas com cultura,história,lazer, perfil ,etc, A Agecom produz a matéria e divulga em suas ferramentas.Marcamos o usuário q sugeriu a pauta no facebook.Esta estratégia aproxima o internauta da administração ,valorizando sua ideia e seu nbairro, dissinando um sentimento de cidadania.

    0

    [Reply]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *