fbpx

Raspando o prato

Raspando o prato

 

Você sabia que os brasileiros são pioneiros na cultura do desperdício?

Jogamos no lixo, das mais variadas formas, uma vez e meia tudo o que produzimos anualmente! São centenas de tipos de desperdício, mas alguns saltam aos olhos. Jogamos fora 50% dos alimentos produzidos; 40% da água distribuída; 30% da energia elétrica. Há ainda desperdício com desmatamento, não-aproveitamento do lixo, analfabetismo, desemprego, problemas com infra-estrutura, acidentes de trânsito, doenças, corrupção, pirataria, contrabando… Quando se soma tudo, chega-se aos 150% do PIB.

E quem dera fosse só isso! Para se ter uma ideia, os desperdícios de alimentos, água e energia elétrica chegam a 3% do PIB, o que é muito dinheiro, cerca de R$ 72 bilhões, mas, comparativamente aos outros 147%, não é nada.

Mas como podemos começar a resolver este problema tão grave?

Responsabilidade Social aliada à determinação e união no topo das nossas necessidades. Determinação dos dirigentes do País, presidente, governadores e prefeitos, porque o exemplo vem de cima . O segundo passo é educação, qualificação e treinamento. Sem isso, nenhum país vai para frente. Temos 11% de analfabetos totais e 30 milhões funcionais. Cobrar nossos dirigentes do senso de utilização, pois há muitas obras inacabadas, outras prontas sem funcionar, e isso só se torna funcional se há uma ação de coordenação, organização. A Limpeza Pública também é primordial, as grandes capitais, como Rio, São Paulo e Salvador, estão imundas. Ações de saúde e bem estar, um cuidado particular de cada um de nós e envolvimento com a responsabilidade do consumo consciente, são atitudes urgentes que precisamos tomar isoladamente e em primeiríssimo lugar!

Para começar comece observando se você “raspa o prato”, pode parecer pedido de mãe, mas não, é o primeiro teste para saber se você esta aproveitando ou desperdiçando o que consome. Raspe o prato para consumir bem. Raspe o prato da motivação, da mudança e do aproveitamento do tempo para garantir que seus ideais estão alinhados com suas ações. A partir disto organize seu espaço, conserve o seu ambiente e recicle suas atitudes. Reflita sempre, pois o verdadeiro desperdício não condiz somente má utilização das coisas, mas também, da vida.

0

Juliana da Matta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *