fbpx

O marketing ao meu ver.

O marketing ao meu ver.

Quando escolhi fazer marketing tinha apenas um sentimento agradável de poder trabalhar com emoções.

Obviamente não tinha claro o que exatamente era o Marketing e até onde ele influenciava ou não o comportamentos e tendências. Eu era apenas um moleque que tinha acabado de sair do Ensino Médio, e como todos sabem, a escola não nos ensina a viver na vida real, tão pouco nos ajuda a escolher a profissão que iremos seguir.

Lembro que na época fui a uma palestra da ESPM na Feira do Estudante e foi aonde decidi sem dúvida a profissão que iria seguir.

Hoje, consigo explicar de forma mais clara o por que decidi trabalhar com marketing. Sempre gostei muito de conhecer pessoas. Isso porque, uma pessoa carrega consigo milhares de informações e conhecimentos que ao longo da vida formam sua personalidade. E sempre me encantou “o tentar entender” a forma de agir e pensar das pessoas.

E o marketing, para mim, está totalmente ligado a isso. Entender comportamentos, pensamentos, entender uma cultura, um conhecimento ou informação, ter a sensibilidade de oferecer algo relevante e não “mera publicidade”, “mero marketing”. Além disso, fazer com que as pessoas entendam que o marketing quer suprir necessidades e não enganar ou mentir como muitos pensam. “Ele está fazendo marketing”! Esta expressão surgiu pois como em todas as profissões, existem pessoas de má índole e não porque o marketing é algo ruim.

Ainda acho que tudo isso está muito ligado a arte, pois as marcas expressam, emocionam e criam vínculos, assim como a arte.

O motivo deste texto dá-se pelo fato de que, apesar de todas as dificuldades que a profissão proporciona, amo o que faço e apenas trocaria isto por algo que desse mais dinheiro ou fosse mais estável por MUITA necessidade.

Até porque, gostar do que faz é um dos passos para a felicidade.

0

Paulo Lima

Acredita que somente pessoas são fator de mudança. Fundador e Gestor do Ideia de Marketing, é consultor em marketing e branding.

3 comentários sobre “O marketing ao meu ver.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *