Fazer a gestão da comunicação empresarial em época de redes sociais ditando hábitos já é algo desafiador, e em tempos de eleições então, o cuidado com o posicionamento político descabido é fundamental.

Ano eleitoral  é sempre a mesma coisa, as redes sociais viram uma verdadeira arena, uma terra sem lei, um lugar propício a contenda e confusão. Os ânimos exaltados, os indivíduos focados em tentar mudar a opinião um dos outros. Convenhamos, sua empresa não precisa fazer parte disso!

Mas, ocorre algo que tem chamado minha atenção como gestora de comunicação, a necessidade das pessoas de trazerem a discussão política para as pautas da comunicação empresarial e, definitivamente, essa postura não é saudável.

Primeiro, seus clientes sempre terão divergência política. Lembre-se, até dentro de casa existem aqueles que discordam na hora de votar. E se nem o amor fraternal traz uma concordância, por qual motivo a preferencia do cliente por sua marca iria trazer?

Segundo, o voto é algo secreto e não cabe a nós nem como cidadãos comum tentar interferir na decisão do outro.

Terceiro, falar de política não ajuda a vender mais, e ainda não reforça seus valores enquanto marca.

E como bem disse José Saramago: “Aprendi a não tentar convencer ninguém. O trabalho de convencer é uma falta de respeito, é uma tentativa de colonização do outro.”

Quando partimos dessa premissa, conseguimos nos despir de toda vaidade humana e vontade de expressar o tempo todo algo que para nós é certo, mas que para a realidade do outro pode ser um completo argumento sem fundamento.

Um cuidado essencial é para aquelas pessoas que tem o posicionamento político nas suas contas pessoais, mas também fazem comunicação da empresa nestes perfis, a dica é evite. Caso não consiga deixar de manifestar seu posicionamento, opte por fazer apenas isso e não misturar a comunicação empresarial com a pessoal.

Antes de postar algo pense: essa informação está alinhada com os valores da empresa? Quais são os tipos de reações que vou causar com esse post? Isso realmente é necessário para alcançar os objetivos de comunicação da marca? De qual forma irei me portar caso as pessoas não concordem com o que postei? Vale a pena comprar essa briga? O que isso acrescenta na vida das pessoas? Como minha comunicação tem ajudado as pessoas a viverem melhor? Será que isso que quero postar não é pura vaidade?

Use seu perfil apenas para um fim, isso lhe ajudará a ter uma presença em rede mais profissional e evitará ter que lidar com situações adversas e ter perda de clientela por conta de uma contenda que não paga todo o investimento em marketing que já fez até aqui.

banner clique
The following two tabs change content below.

Tercia Duarte

Graduada em Hotelaria, especialista em Marketing e em Letramento Informacional é Professora Universitária nos Cursos de Publicidade, Administração, Hotelaria &Turismo. Possui um Blog de publicação semanal da Revista Ludovica sobre comportamento na era digital. Mãe do Fernando desde 2009.