Estreou nesta semana a série documental original da Netflix Abstract e esta é com certeza uma produção que precisa ser vista não apenas por profissionais da área de comunicação, mas por todos que buscam ser melhores naquilo que fazem.

A afirmação acima tão incisiva é justificada, pois os assuntos abordados lá podem parecer num primeiro momento algo restrito aos “criativos” produtores de arte. Ocorre que todo indivíduo necessita compreender a capacidade de criação, as técnicas de concentração e, principalmente, o poder que possuímos quando estamos engajados.

Já que estamos falando de uma série documental farei um breve relato

Quando fiz meu primeiro trabalho de conclusão de curso na faculdade, recebia sempre o texto para revisar e minha orientadora me dizia: “nada surge”.

É normal que tenhamos a impressão e o mau hábito de acreditarmos que as coisas surgem! E aprendi naquela fase que tudo precisa de embasamento de acordo com o contexto e, desde então, bani do meu vocabulário o “surgimento” e passei a focar nos motivos e analisar melhor as situações para compreender os fatos e desenvolver meu pensamento.

A série tem como foco mostrar a rotina de trabalho e as etapas do processo criativo. Logo no início me identifiquei, pois a primeira lição ali é esta: a inspiração só vem depois de muita transpiração. O trabalho exaustivo os processos e procedimentos bem desenhados, estes sim são os responsáveis pelos “surgimentos” de ideias e realização de trabalhos extraordinários.

Sobre o autoconhecimento e inovação

Enxergar o que todo mundo enxerga, mas conseguir trazer algo novo. A chave para a inovação tão almejada na nossa era está no autoconhecimento, lógico que o caminho não é tranquilo. A estrada que nos leva ao encontro conosco pode ser tortuosa visto que ela exige de nós vontade de desbravar lugares jamais percorridos.

O externo serve como referência e não como roteiro. Precisamos então encontrar o equilíbrio entre o que as pessoas de modo geral percebem e o que podemos trazer de diferente a partir da nossa percepção, inebriada por nossas experiências.

O mundo da arte e ciência do design cercam todos os seres vivos pensantes e por isso nenhum profissional pode se dar o luxo de ficar alheio aos ensinamentos que a série traz.

Um bom programa deve oferecer valor aos colaboradores e motivá-los a serem defensores da empresa onde quer que seja.

banner clique
The following two tabs change content below.

Tercia Duarte

Graduada em Hotelaria, especialista em Marketing e em Letramento Informacional é Professora Universitária nos Cursos de Publicidade, Administração, Hotelaria &Turismo. Possui um Blog de publicação semanal da Revista Ludovica sobre comportamento na era digital. Mãe do Fernando desde 2009.