Quem não quer ficar bem posicionado no mercado atualmente? A facilidade da internet permite que pessoas se conectem de forma muito mais fácil do que anos atrás. Hoje, as empresas conseguem estabelecer um elo com seus clientes sem, necessariamente, ter uma sede fixa ou algo parecido. No entanto, é preciso ter cautela ao criar ou entrar em determinadas redes. Antes de qualquer coisa, é preciso pensar: será que vou ter tempo de gerenciá-las?

Ter uma rede social, não é tão simples quanto parece. Snapchat, Twitter, Instagram, Facebook, LinkedIn, Google+, YouTube e por aí vai…A tecnologia nos oferece, a toda instante, uma infinidade de opções de comunicação, que permite o estabelecimento de novas conexões com o mundo. Mas, cada um desses canais requer uma atenção especial! No universo corporativo, as empresas precisam se comportar de forma profissional, para passar credibilidade ao público que pretendem atingir. As redes sociais, nesse sentido, funcionam como um cartão de visitas. É por meio delas que as pessoas vão estabelecer um primeiro contato e ter a primeira impressão. Por isso, não adianta nada, sua empresa possuir diversos canais de comunicação se eles se encontram desatualizados.

De acordo com dados da pesquisa “Hábitos e comportamentos dos usuários de redes sociais no Brasil” realizada pela empresa E.life, as redes sociais foram apontadas como quarto canal mais utilizado pelos consumidores para se comunicarem com as empresas. Segundo a pesquisa, 66,9% acompanham páginas e perfil de organizações, produtos e serviços, para ter atendimento on-line, se necessário. Além disso, o último relatório divulgado pelo Facebook aponta que o número de usuários que utilizam a internet no mundo inteiro cresceu 200 milhões em 2015, totalizando 3,2 bilhões.

Como é possível perceber, as pessoas estão cada dia mais conectadas, e elas querem descobrir coisas novas e ter em mãos conteúdos relevantes que agreguem algo no dia a dia. Por isso, a forma como as organizações se relacionam nesses espaços faz toda diferença. Se você procurar o instagram de uma marca, ainda pouco conhecida, por exemplo, e ele não trouxer nenhum tipo de conteúdo, certamente ficará receoso com relação à credibilidade daquela empresa. Se isso se repetir em outras mídias, tal fato só tende a se acentuar.

Interação é palavra de ordem na era digital! Os consumidores de hoje, querem conectividade e mobilidade seja para fazer suas compras ou simplesmente para ficar “zapeando” nas redes.  Estar presente no ambiente on-line é uma exigência do próprio mercado, porém é preciso analisar com calma, em quais meios o seu público se encontra e verificar se sua empresa terá disponibilidade para abastecer todos os canais criados.

É possível integrar várias redes, mas nem sempre elas vão “conversar” de maneira eficaz. Então, se você possui diversas redes sociais e não sabe o que fazer para controlar cada uma delas, aí vão algumas dicas para ajudar na organização!

– Estabeleça seu público-alvo e direcione suas postagens para ele.

– Verifique quais redes você mais utilizou nos últimos meses.

– Não queira abraçar o mundo! Trabalhe conforme sua disponibilidade.

– Faça um cronograma de postagens para cada rede social.

– Interaja com seu público. Lembre-se de responder os comentários!

– Mantenha a identidade da sua marca em todos os canais de comunicação.

-Estude! É preciso ficar atento às novidades que surgem a todo o momento.

banner clique
The following two tabs change content below.

Raiza Halfeld

Mineira de Juiz de Fora, movida a desafios. Gosta de aprender coisas novas e trocar experiências, pois enxerga a educação como um processo contínuo. É graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela UFJF, e atualmente cursa MBA em Marketing pela UNOPAR.