Você já deve ter percebido que o seu perfil de rede social (e aqui o exemplo mais comum acaba por ser o Facebook) marca um conjunto de preferências conforme as páginas que você segue e perante as publicações e respostas que dá, fazendo com que depois sejam recebidas publicidades e propagandas associadas àqueles temas.

Se você utiliza sites de compras e algumas outras prestadoras de serviços interativos (e muitos vão lembrar aqui da Netflix e do Spotify), personalizar um perfil acaba por ser útil para receber as recomendações que vão ao encontro das suas preferências e de um certo “segmento” que você inevitavelmente acaba por se enquadrar.

Os estudos em volta do Comportamento do Consumidor cruzam dados psicológicos, sociológicos e econômicos para tentar compreender como é a tomada de decisão por parte do cliente. Assim, consegue-se enquadrar os consumidores em grupos de referência com variáveis comportamentais, para depois fazer sugestões e antecipar alguns “desejos”.

Todos esses apontamentos são estudados e aplicados nas aulas e no cotidiano de quem vive de Marketing Empresarial. O que você talvez não saiba é que pode perceber o seu próprio perfil de preferências de métodos de trabalho e de organização de atividades, e depois utilizá-lo no dia-a-dia para melhorar a sua produtividade e da sua equipe de trabalho.

Os perfis de preferências são aplicados a diversos temas, como por exemplo: preferências comportamentais e cerebrais para entrevistas de empresa, preferências vocacionais para orientação profissional, preferências alimentares para facilitar a sua dieta, preferências de estilo para quem usa o Pinterest e diversas outras app temáticas.

Há diversos testes online, gratuitos e pagos, deixo aqui o link por questões de propriedade legal, para quem se interessar: Pesquisa Testes Online

O que interessa suscitar o interesse é: se você perceber como funciona o seu cérebro para realizar atividades diárias, poderá consolidar os seus objetivos pessoais e profissionais de forma mais rápida e prática. Também poderá adaptar as suas tarefas para alterar os pontos que não lhe agradam do seu perfil e estimular novos hábitos que considere importantes.

Um teste comum e fácil é reconhecer se a sua dominância cerebral está enquadrada na metáfora da águia, do lobo, do golfinho ou do tubarão. Todos estes perfis têm pontos positivos e dificuldades, não existindo um “melhor” do que o outro, e sim, capacidades de adaptações diferentes. A grosso modo:

  • Perfil da Águia: pessoa idealizadora, criativa, curiosa, intuitiva e que preza pela liberdade e pelas inovações.
  • Perfil do Golfinho: pessoa sensível, que se relaciona e se comunica com facilidade e gosta de trabalhos em equipa com harmonia.
  • Perfil do Lobo: pessoa organizadora, planejadora, pontual e que gosta de comandar e de controlar de forma metódica.
  • Perfil do Tubarão: pessoa impulsiva, prática, comprometida com objetivos e que gosta de cumprir metas.

Para que serve perceber os pontos fortes e fracos de cada perfil? Para que você se desafie a entrar em outros contextos que não são a sua área de conforto. Caso você detecte que a sua maneira de julgar e organizar é baseada em critérios racionais, por exemplo, pode fazer o exercício de repensar de uma forma mais sentimental e subjetiva.

Uma capacidade importante para todos os seres humanos é tentar se pôr no lugar do outro, seja do colega de trabalho para conseguir explicar um tema de uma forma compreensível ou no lugar do cliente para perceber quais são as suas expectativas. Se você perceber os modos como as outras pessoas podem perceber o mundo, reconhece mais formas e opções para explicar-lhes as suas ideias.

Outra praticidade é enquadrar os colaboradores de uma empresa em perfis comportamentais e assim reunir equipes mais eficazes, com áreas de dominância diferentes, pois é importante haver uma liderança que regule prazos e metas, ao mesmo passo em que é importante ter membros que prezem pela criatividade e flexibilidade de forma mais livre.

Open your mind e permita-se explorar as suas capacidades.

banner clique
The following two tabs change content below.

Renata de Freitas

É publicitária de Floripa, mas vive há mais de 10 anos em Portugal, onde trabalha com Marketing Empresarial, fez PhD em Comunicação Estratégica e participa de grupos de investigação da área. É apaixonada por Branding, por assuntos criativos e por lugares inspiradores.