Em tempos onde ‘crise’ é palavra de ordem para a queda dos negócios é preciso entender que o comércio, em tempos assim, quer se defender, se posicionar, ter resposta para o mau funcionamento ou declínio das entradas. Mas devemos entender também que essa é a oportunidade de inovar. “O que pode destacar minha empresa? Em que devo me inspirar? Como motivar minha equipe?”

A crise deve ser porta para a diferenciação, inovação e claro, criação. Listo aqui sugestões fáceis e simples de serem implantadas na hora de contornar os dias ruins para os negócios. Atente-se para as dicas:

– Lembre-se que na recessão seus clientes também controlam os gastos. Então seja certeiro, crie oportunidade em lugares comuns, coisas cotidianas, produtos básicos.

– Estude o mercado mais de uma vez. Analise todas as oportunidades de estar presente no dia a dia de teu público alvo.

– Saia da zona de conforto, tire suas antigas (ou novas) ideias do papel.

– Treine sua equipe para situações inusitadas, de modo que percebam a importância de manter o bom funcionamento, mesmo em tempos de crise.

O básico dessas dicas é: não deixe o foco fixo em regras, não espere o tempo passar, não deixe de escutar outras pessoas e acatar algumas ideias diferentes. Pois a crise só existe porque as boas ideias às vezes são esquecidas. Mas com um pouco de esforço, conseguimos manter o bom fluxo e também os bons negócios.

banner clique
The following two tabs change content below.

Hayane Souza

Os capítulos da minha vida mudam rápido, assim como as tendências de comunicação. Publicitária apaixonada pelo efeito positivo que o marketing causa.