Muitas empresas buscam alternativas e estratégias mirabolantes de marketing para conseguir atrair novos clientes e a maioria delas acaba esquecendo de um trunfo que está dentro de casa: seus funcionários.

Em um mercado cada vez mais competitivo, onde a informação está acessível a todos, as empresas precisam visualizar em seus colaboradores mais do que pessoas que são pagas para desempenhar determinada atividade. É preciso enxergar em cada pessoa que faz parte da empresa como alguém que pode atrair novos clientes e ajudar a cultivar e manter relacionamentos, principalmente no ambiente digital.

Se sua empresa não está utilizando os funcionários como parte da estratégia de marketing, pode estar perdendo uma grande oportunidade de ampliar a exposição da marca, educar clientes e gerar credibilidade.

O Employee Advocacy, ou traduzindo para o português “Funcionários Defensores” são estratégias utilizadas pelas empresas para engajar e motivar seus colaboradores para que se tornem verdadeiros defensores da sua marca.

Um Colaborador Defensor é alguém que gera exposição positiva da marca, recomenda os produtos e serviços a amigos e conhecidos, representa os interesses da marca mesmo estando “fora de expediente”. Acima de tudo, são especialistas em seus produtos e serviços e tornam-se porta-voz da empresa perante sua rede de contatos, seja online ou off-line.

Como utilizar o Employee Advocacy em sua empresa?

A forma mais comum é a criação de Programas de Employee Advocacy, onde os colaboradores são estimulados a participar. Algumas dicas importantes para iniciar um programa:

Confie em seus funcionários

Só é possível criar um programa de Employee Advocacy se a empresa confiar em seus colaboradores. Nunca force seus funcionários a participar. Crie uma política de participação que incentive a participação.

Comece pequeno

Escolha um pequeno grupo de colaboradores que já defendem sua empresa naturalmente e comece por eles. Em seguida eles podem ajudar a treinar os outros. Começar um programa para todos os colaboradores logo de início pode ser um tiro no pé.

Capacite

Ofereça orientação e treinamento para os funcionários sobre o programa. Deixe claro quais são os objetivos e quais os benefícios de participar. Também forneça os materiais necessários para a participação.

Defina os objetivos

Um programa de employee advocacy pode ter vários objetivos como aumentar a presença nas redes sociais, gerar tráfego para o site, conquistar novos clientes por indicação, melhorar a satisfação interna, maior eficacia no recrutamento e seleção. Defina quais são os seus em cada fase e comunique para os colaboradores.

Incentive a participação

Incentive os funcionários a participar. Utilizar técnicas de gamification como rankings, níveis, badges, pontos, concursos são excelentes maneiras de aumentar a participação no programa.

Os benefícios podem ser muitos, como aumentar o reconhecimento da marca, impulsionar o alcance nas redes sociais, conquistar novos clientes, facilitar o processo de recrutamento, melhorar a retenção dos colaboradores, entre outros.

banner clique
The following two tabs change content below.
Empreendedor, Pioneiro em Marketing de Defensores (Advocate Marketing) no Brasil. Consultor de Marketing Digital. Professor em curso de MBA, Vice-Presidente da ABRABOCA - Associação Brasileira de Marketing Boca a Boca, Colunista do Portal Ideia de Marketing.