A importância dos momentos de “folga” para aumento da produtividade

A importância dos momentos de “folga” para aumento da produtividade

Estou de folga! Uma aclamada e simples frase que move corpos cansados da rotina diária, mentes sem descanso e pessoas exaustas. Estar de folga é também um bom momento para ter ideias, organizar a cabeça e produzir. Por que não? Podemos organizar adequadamente nosso tempo livre e fazer dele um aliado, além de ser um momento de lazer.

Comece planejando seus momentos de folga, colocando horários nas atividades, faça listas das coisas que gostaria de fazer nesse tempo e identifique-as como menos ou mais importantes, de acordo com sua preferência. Isso deve partir de você, pois ninguém melhor para organizar um tempo que é pessoal. Evite estresses desnecessários, no lugar das preocupações considere praticar hobbies ou aprender novos talentos. Todo aprendizado contribui para crescimento pessoal e aumento da produtividade, pois aplicando novas técnicas você pode obter diferentes e melhores resultados. Importante lembrar que os momentos de pausa nos ajudam a retornar a concentração inicial, e focar nos objetivos diários. Por isso também é importante estar focado nos objetivos principais (metas do trabalho, metas pessoais e prazos a cumprir), pois eles são o real motivo de sua folga.

Os momentos de folgas são bons para aprendermos a controlar nosso tempo, nos dedicarmos a outras funções e retornar a produtividade no trabalho com mais energia e disposição. Fazer exercícios, ajudar alguém, e programar a semana com a agenda do lado, são bons conselhos para aproveitar a folga e render produtivamente durante a semana. Mas a produtividade não se resume a isso, infelizmente!

Destaco então, pontos mais relevantes para aproveitar o tempo livre e ainda produzir com mais qualidade no trabalho:

– Estar atento para os aprendizados do dia, mesmo nas horas de lazer. Os momentos sempre nos ensinam algo, até mesmo a sermos mais pacientes;

– Agendar as atividades, mas não estar preso somente as anotações: é bom ter uma relação do que fazer, mas se puder readaptar as atividades para melhorar, por que não?

– Saber o que precisa fazer, e cumprir essa tarefa: não fugir ou empurrar as atividades de um dia para outro, uma hora você terá que fazer;

– Na hora do descanso: DESCANSE;

– Treine sua memória com: bilhetes próximos aos locais que você olha sempre, listas de afazeres e revisão de atividades passadas.

Só você pode aumentar sua produtividade, e só você pode aproveitar seu tempo de folga, portanto, aproveite!

0

Hayane Souza

Os capítulos da minha vida mudam rápido, assim como as tendências de comunicação. Publicitária apaixonada pelo efeito positivo que o marketing causa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *