Uma lista pode ser uma excelente ferramenta para organização, eu, por exemplo, não vivo sem uma listinha de tarefas guiando o meu dia. Inclusive me sentia alienada por fazer listas à mão mesmo, já que temos várias opções mais tecnológicas, mas especialistas recomendam fazer a lista manualmente, com papel e caneta, para facilitar a memorização. Esta é a primeira dica, e que traz muita satisfação, nada melhor do que riscar tarefas da listinha. Mas para a lista ser eficaz, ela precisa ser uma lista de qualidade!

A principal função de uma lista é ajudar na organização, na programação do dia, então ela deve ser feita para que isso realmente ocorra. O primeiro erro que cometemos é, na tentativa de escrever uma lista prática, jogar palavras a esmo e depois se perder nas informações. Para evitar a própria sabotagem, alguns recursos podem auxiliar, como o uso de verbos que levem à ação. Os verbos vão ajudar a entender a tarefa listada e direcionar à sua efetivação. Utilizar verbos também pode ajudar na procrastinação, que o corre com muitas tarefas da listinha. Especificar as necessidades ajuda a não fugir delas.

Tente concentrar suas listas em um mesmo bloco ou agenda, assim fica fácil visualizar as tarefas não realizadas. Espalhar os itens em vários papeizinhos dificultará a dinâmica.  Faca sua programação analisando o tempo gasto e deixando um tempo para imprevistos, não tente resolver tudo, destaque as prioridades e comece por elas. Se a sua intenção é chegar ao fim do dia com a sensação de dever cumprido, liste as prioridades do dia, as tarefas mais urgentes e realizáveis no período, uma lista viável. Em geral a intenção é sempre boa, na empolgação de resolver várias coisas no dia, lista-se uma infinidade de tarefas e assim muitas vão ficando para trás. Fragmente algumas tarefas e assim vá eliminando aos poucos, com pequenas vitórias.

Concentre-se e dedique-se à sua lista, ela auxilia muito na administração do tempo e a enxergar prioridades. Escrever as tarefas diminui a ansiedade e aquele pânico que surge juntamente com as atividades pipocando na mente. Que tal começar agora?

banner clique
The following two tabs change content below.

Caroline Trapp

Gerente de vendas
Publicitária e sócia-proprietária na AnimA Estratégias em Relacionamento. Estuda comunicação, marketing e comportamento de consumo, vê no relacionamento o diferencial de marcas e negócios!