O marketing pessoal está para as pessoas físicas, assim como o marketing sempre esteve à serviço das marcas corporativas. Mas são raras as pessoas que se dão conta de que existe um conjunto de ferramentas e estratégias que podem ser usadas a seu favor para desenvolver suas marcas pessoais e potencializar suas carreiras e negócios.

Marketing pessoal é para todos. Se você é empreendedor, empresário, médico, advogado, político, corretor de imóveis ou de seguros, dentista, fotógrafo, atleta, confeiteiro, consultor empresarial, agropecuarista, vendedor, esteticista, professor, influenciador digital, enfim, a lista de quem pode se beneficiar de marketing pessoal é imensa. Dê o primeiro passo agora.

Comece pelo básico:

Quem você é e o que você faz

Deixe claro para o mercado qual é o seu negócio e o que você faz de melhor, de forma bem objetiva. Seu nome e especialidade vão ser a assinatura de sua marca pessoal, e vão te acompanhar em toda a jornada. Esse item é ponto de partida, mas a grande maioria dos profissionais não faz isso direito.

Cartão de visitas

Uma ferramenta tão antiga e ainda mal utilizada, o cartão de visitas é o aperto de mãos que deixamos com alguém. Ele é a sua apresentação profissional, marca um primeiro contato e possibilita contatos posteriores. Deve conter informações básicas e importantes para que seus contatos te encontrem facilmente.

Nas redes sociais

Não existem meios de maior alcance, de fácil acesso e baixo custo que as redes sociais. Use-os a seu favor compartilhando informações sobre seu trabalho, projetos, cursos e dicas relevantes. Construa presença consistente e não deixe seu perfil abandonado e desatualizado. Em tempo: evite postar fotos de caráter pessoal no seu perfil profissional.

Você no LinkedIn

O LinkedIn é a maior rede social profissional do mundo, uma vitrine virtual do seu currículo, da sua carreira e de seus projetos. Por lá, é possível vender sua imagem profissional, ampliar sua rede de contatos e negócios e até mesmo encontrar uma nova oportunidade de trabalho. Caso você ainda não faça parte do LinkedIn, é bom criar um perfil  urgente!

Não deixe seu cliente sem  resposta

Jamais ignore mensagens que chegam pelo WhatsApp ou Inbox. Eu sei que muitas vezes é impossível responder às mensagens que chegam o tempo todo, mas tente responder às solicitações em até 24 horas. Você não vai querer passar uma imagem de arrogante e grosseiro ou perder contatos para novos negócios,vai?

Como eu disse, os preceitos acima são básicos para iniciar ou ajustar seu posicionamento de marca pessoal. Em um cenário cada vez mais competitivo, se posicionar corretamente vai te ajudar a se destacar na multidão e a convencer o mercado de que você é realmente bom no que faz. Afinal, não basta ser bom, é preciso parecer bom.

banner clique
The following two tabs change content below.

Karen Teodoro

Estrategista de Marca na Maracujá Azul Branding, formada em Publicidade e Propaganda, com especialização em marketing e MBA em Estratégias de Marketing e Vendas. Apaixonada pelo cenário de marcas, observadora full time de como elas se comportam, interagem, promovem experiências e se relacionam com as pessoas.

Latest posts by Karen Teodoro (see all)