“O maior inimigo de um bom plano é o sonho de um plano perfeito”.  Carl von Clausewitz

Sou o defensor número 1 de e-mail marketing inteligente e defendo que o e-mail é uma das melhores ferramentas de relacionamento com o cliente que existe.

Logicamente com a evolução das tecnologias, hoje temos inúmeras outras opções como facebook, viber, whatsapp e outras ainda. Mesmo assim vou resumir para vocês o porquê muitas vezes dá errado e o que pode ser feito para ter mais sucesso no envio de e-mails. Veja as principais causas de fracasso e evite isso:

1 – Mandar apenas promoções;

E-mail marketing é muito mais do que ficar mandando promoções diárias para os clientes.  E-mail marketing é agradecer a assinatura da sua newslwetter, é enviar arquivos gratuitos para download, convidar para ações, é conhecer o cliente.

2 – Não customizar o e-mail;

Um grande erro das pessoas que mandam e-mail em grande quantidade para muitas pessoas é mandar o mesmo e-mail para todos. Cada cliente é diferente e deve ser tratado como tal. Por que não mandar um e-mail de cor diferente, de fundo diferente ou com o nome do cliente? É uma coisa tão simples e que aproxima ainda mais o cliente de você.

 3 – Enviar o que você acha interessante;

Não adianta mandar e-mail do que você acha interessante, o cliente quer saber mais do que ele gosta. Por isso conheça mais o gosto do seu cliente, veja quais e-mails ele geralmente abre, onde ele clica, quais temas cada um mais goste e crie grupos ou listas de temas.

4 – Usar pouco a parte analítica da ferramenta;

A maioria das ferramentas de e-mail permite analisar campanha a campanha, cliente a cliente.  Mas pra que serve isso mesmo?

Use o conhecimento analítico para ser mais certeiro no envio dos e-mails. Tente melhorar a cada envio e descobrir o que dá certo. Só a prática e o tempo lhe dirá o que é melhor.

5 – Comprar lista de e-mails;

SPAM, SPAM, SPAM. Comprar lista de e-mail é fazer SPAM. Pior do que isso é mandar e-mail sem opção de unsubscribe (cancelamento).

Crie sua própria lista do zero, é a melhor maneira de ter sucesso. E outro ponto importante, quanto menor a lista e mais segmentada, maior é a chance de resultados.

6 – Não conversar com o cliente;

Quando mandamos um e-mail, esperamos que a outra pessoa responda, mesmo que seja um e-mail de newsletter é importante perguntar e ouvir a opinião das pessoas. De nada adianta uma lista com 100.000 pessoas se nenhuma delas te responde com uma dúvida ou elogio.

São apenas robôs ou desinteressados. Por isso instigue seus contatos a responderem as dificuldades deles, o que querem, quais assuntos são interessantes e o que esperam da sua empresa.

Assim, se você evitar essas causas e interagir mais com seu cliente, com certeza terá mais amigos e clientes que apenas leads.

O que você faz que dá certo? Comente para a equipe do Ideia de Marketing!

banner clique
The following two tabs change content below.

Anderson Wenningkamp

Consultor especialista em Marketing de Relacionamento (CRM) desde 2007. Fundador da CicloCRM, empresa especializada em consultoria de Marketing Digital. Acredito que todos podem fazer um excelente relacionamento com clientes e pretendo revolucionar a maneira como as empresas se relacionam.