Hoje em dia, com tantas possibilidades de divulgação de marcas e produtos na internet, muitas empresas apresentam dúvidas sobre a viabilidade e a necessidade de investir em feiras e eventos como forma de promoção. Os custos podem ser altos e nem sempre o retorno faz valer o que foi investido. Mas, se a sua empresa optou por participar ou organizar um evento, como saber se os retornos compensaram o investimento e se você deve continuar adotando estratégias como essa?

Para responder à esta pergunta, tem sido utilizada a chamada metodologia ROI (Return On Investment). Nela, cinco fatores são considerados: a satisfação de quem compareceu ao evento, o conhecimento nele gerado, a forma como os participantes aplicaram o que foi aprendido durante o evento, seu impacto nos negócios e, por último, o ROI, que pode ser calculado através da equação abaixo.

ROI = lucro líquido/custos

Alguns problemas, no entanto, podem aparecer caso a sua empresa não se planeje bem para aplicar a metodologia. A maior parte deles, especialmente quando se trata do cálculo do ROI, está relacionada à falta de dados adequados para fazer a avaliação e à impossibilidade de rastrear medidas chave. Portanto, quando optar por fazer um evento, esteja atento a estes detalhes.

Uma boa forma de conseguir rastrear os resultados das vendas geradas através do evento é a utilização de plataformas de Customer Relationship Management (CRM), ou seja, plataformas de gestão do relacionamento com o cliente. O que não faltam são opções disponíveis, como o Sugar CRM e o Salesforce.

Colete os dados dos seus leads (clientes potenciais) e armazene-os de forma eficiente, mantendo registrada a informação de em qual evento eles foram abordados. Há hoje no mercado várias opções de ferramentas de coleta de dados que podem te ajudar.

Aplicativos para pesquisa e coleta de dados em tablets, como por exemplo o QuickTapSurvey, podem ser usados para criar questionários de captação de leads. Alguns deles possuem até mesmo integração com plataformas de CRM, poupando trabalho e tempo na hora de passar as informações de contato obtidas para a plataforma escolhida. Este tipo de software permite ainda que você adicione perguntas para qualificar os leads, tornando mais fácil a escolha dos contatos a serem priorizados na hora de dar prosseguimento com as vendas.

Depois, com todos os contatos já em mãos, não se esqueça de acompanhar as vendas, para na hora de fazer o cálculo do ROI saber exatamente qual foi o retorno proveniente de cada evento. Afinal de contas, os resultados deste tipo de ação promocional nem sempre são imediatos como ocorre muitas vezes para anúncios na internet, mas, ainda assim, devem ser acompanhados.

Avaliando o número encontrado, bem como os fatores intangíveis que fazem parte da metodologia ROI, você pode medir o desempenho de cada evento e decidir de forma embasada se vale ou não a pena continuar investindo em eventos para promover a sua marca.

BarbaraEsse artigo foi escrito por Bárbara Aburachid Rocha. Bárbara é estagiária de atendimento ao cliente e marketing, mineira, estudante de Engenharia de Sistemas na UFMG, atualmente reside em Toronto pelo programa Ciência Sem Fronteiras.

banner clique
The following two tabs change content below.

Mariana Melissa

Gestora de pessoas e Coordenadora de projetos at Ideia de Marketing
Graduada em Marketing e Gestão de Recursos Humanos, é apaixonada pela arte da escrita e pelas relações pessoais. Já trabalhou com comunicação interna, redação e marketing. Atualmente é Gerente de Projetos na agência Target Mais e está a frente dos projetos internos do Ideia de Marketing atuando como gestora de pessoas e conteúdo. marianamelissa.s@gmail.com