Certa vez, li em um livro um diálogo que chamou minha atenção, era mais ou menos assim:

- Você está vendo aquela cadeira?
- Sim, estou.
- Pois é, mas eu a vi primeiro. Você precisa enxergar algo antes de todo mundo. Procure algo que ninguém viu ou descobriu ainda e faça a diferença.

Fazer a diferença é o que todos querem, mas de que forma isso tem sido feito? Replicar ações já existentes não é a melhor maneira de destacar-se na multidão, concordam? Seguindo por esse raciocínio falarei de uma ação que chamou muito minha atenção nos últimos dias: a campanha americana da caneta Bic de quatro cores.

Quem não se lembra das incríveis canetas de quatro cores? Quatro canetas em uma só! Essa inovação fez brilhar os olhos de muita gente que queria poupar espaço no estojo, praticidade para mudar de cor, organização e claro, quatro cores juntas para caprichar nos deveres escolares. A futurística criação dos anos 70 encantou muita gente por muito tempo, porém a evolução da tecnologia se manteve em movimento e centenas de outras formas de eternizar a escrita  de maneiras mais envolventes surgiram, como os tablets, smartphones, computadores e, por esses e outros motivos,  a charmosa caneta foi perdendo seu espaço.

Pensando nisso, a Bic pensou em uma maneira criativa de reviver a relação do seu produto com seus consumidores, utilizando  storytelling e transmídia para revelar o que acontece dentro da caneta de quatro cores (ou vai dizer que você nunca abriu uma para saber como funcionava?). A Bic poderia fazer isso de mil formas, mas optou pela a mais inusitada: criar histórias, personagens com características próprias, jornadas e brincadeiras para gerar encantamento de forma bem humorada. E conseguiu!

Além da Fan Page que fala sobre o quarteto Azul – o solicitado, Vermelho – o nerd que tudo sabe e corrige, Preto – o competitivo e Verde – aquele com problemas de autoestima, a empresa apostou na criação de vídeos que mostram como funciona o mecanismo da caneta de forma humanizada, dando continuidade às histórias iniciadas no facebook e um aplicativo que apresenta o perfil de seus personagens principais.

Se a caneta de quatro cores irá voltar a ser sucesso entre os estojos dos estudantes ainda não sabemos, mas podemos afirmar que a Bic, junto com a agência francesa Toy Agency, foram atrás da caneta, ou melhor, da cadeira do início do texto e fizeram a diferença no meio de tantas campanhas “mais do mesmo”.

QUERO RECEBER NOVOS ARTIGOS POR E-MAIL

mariana_mel

Mariana Melissa

Gestora de pessoas e Coordenadora de projetos at Ideia de Marketing
Graduada em Gestão de Recursos Humanos, é gestora de pessoas e coordenadora de projetos do Ideia de Marketing. Vegetariana, amante da comunicação e da área de humanas, não dispensa um bom papo e muito menos boas oportunidades para aprender um pouco mais. marianamelissa.s@gmail.com